Social Icons

Pages

Featured Posts

...

quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

O interior desse navio naufragado por dois anos é assustador

Em janeiro de 2012, o navio Costa Concordia se chocou com uma rocha no Mar Tirreno, na costa oeste da Itália, provocando um rasgo de 50 metros em seu casco.

Em janeiro de 2012, o navio Costa Concordia se chocou com uma rocha no Mar Tirreno, na costa oeste da Itália, provocando um rasgo de 50 metros em seu casco. O acidente de grandes proporções fez com que o navio afundasse, permanecendo parcialmente submerso durante dois anos.
O procedimento de evacuação dos 3229 passageiros e 1023 funcionários foi completamente conturbado, e levou cerca de 6 horas. No total, 30 pessoas morreram no acidente.

Em 2014, a companhia de resgates Titan Salvage assinou um acordo para resgatar o navio e salvar aquilo que restou. O navio foi colocado para flutuar novamente, e o que emergiu junto com ele foi aterrorizante. Dentro dos quartos, por exemplo, ainda haviam bagagens e pertences dos passageiros. O navio foi rebocado por 320km, até o porto de Gênova, na Itália, onde agora será reciclado.

terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Os 8 produtos mais estranhos que os fetichistas podem comprar na internet

1. Super-heróis de pelúcia que “dormiram” com irmãs gêmeas

Allie e Lexie Kaplan, de 22 anos, arranjaram uma maneira inusitada de arrecadar uma grana extra: elas dormem com bonecos de pelúcia, compartilham imagens das noites de sono no Instagram e depois vendem os brinquedos por exorbitantes US$ 333 – quase R$ 1,1 mil! Elas garantem que os personagens têm o cheiro delas, e os brinquedos são assinados e incluem até um certificado de autenticidade emitido pelas duas.
Irmãs gêmeas dormem com bonecos de pelúcia antes de vendê-los

2. Colchas utilizadas por estudantes chinesas

O chinês Long Yi fez fortuna no ano passado ao comercializar colchas usadas por suas colegas mais populares da faculdade. A inspiração veio de uma venda feita por uma estudante de pós-graduação, realizada poucos minutos após a moça publicar o anúncio na internet. Yi gastou uma grana comprando várias colchas e distribuindo entre suas veteranas. Logo no primeiro dia, o empreendedor arrecadou US$ 1,6 mil!

Justificativa dos compradores é que eles se sentem próximos das meninas mais populares da 
universidade

3. Acessórios de aeromoças

Agora, se o seu fetiche é por aeromoças, você pode adquirir sapatos e meias utilizados por funcionárias de companhias aéreas. A maioria delas os vende quando os calçados já estão com um “cheirinho”, fazendo a alegria de quem se interessa por elas. O requisito básico é que as mulheres tenham usado as peças durante algum voo. Curioso, hein?

Antes de jogar fora seus sapatos, pense se não vale a pena arranjar uma boa grana por eles

4. Calcinhas de universitárias

A universitária Kay, de 21 anos, estava com uma dívida acumulada por conta de empréstimos estudantis. A maneira que ela achou para pagar esses financiamentos foi inusitada: vendendo suas calcinhas usadas. Cada peça custa a partir de US$ 37 (R$ 120). Kay também vende sutiãs usados e chega a ganhar US$ 44 (R$ 143) com cada um! Ela descreve seu perfume natural como intoxicante, doce e almiscarado, além de atender pedidos especiais, como calcinhas sujas de xixi ou usadas durante uma masturbação – nesses casos, o preço é bem maior.

Pedidos especiais, como calcinhas mijadas, custam mais caro
5. Meias usadas

Você fica frustrado quando ganha pares de meias no Natal ou no aniversário? Então saiba que existem pessoas que compram meias sujas de mulheres latinas ao custo de US$ 25 (mais de R$ 80!). As mulheres garantem que vestem os pés durante alguns dias antes de vender as meias, que são enviadas com aquele chulezinho inesquecível. Teve uma moça que relatou ter acumulado mais de US$ 10 mil dólares nesse comércio diferente.

Chulé pode render uma grana graúda
6. Cocô de dominatrix

Ceara Lynch estava acostumada a “humilhar” homens com seu desempenho de dominatrix. Ela já estava ganhando bastante dinheiro dessa maneira quando ampliou seu leque de negócio: passou a vender calcinhas usadas, mechas do seu cabelo e até cocô! Ela chega a cobrar US$ 5 mil por envio para um admirador. Nada menos que R$ 16 mil!!! E você aí mandando uma fortuna descarga abaixo...

Dominatrix tem feito sucesso ao vender suas fezes

7. Máquinas de calcinhas usadas

Se você estava achando que o lance de vender calcinhas usadas era algo que só acontecia na ficção (“Orange is the New Black”, alguém?), saiba que essa prática é antiga! No Japão, existiram até máquinas de cigarros que foram adaptadas para vender calcinhas usadas, só que elas foram proibidas em 1993. Mesmo assim, máquinas clandestinas ainda podem ser encontradas.

Comércio ilegal de calcinhas usadas no Japão

8. Cueca com cheirinho do Havaí

Agora, um produto para alegrar principalmente as mulheres e os gays: cuecas com aroma do Havaí! A parte boa é que elas nunca foram usadas, mas ficaram pelo menos 48 horas penduradas em um varal na mais famosa ilha dos Estados Unidos. Cada peça custa US$ 60, ou seja, quase R$ 200. Vale mais a pena comprar uma cueca de grife, não?


Cuecas boxer com a brisa do Havaí

segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Mãe faz bolo zoando a própria filha em seu aniversário – e bombou na internet!


Mãe faz bolo zoando a própria filha em seu aniversário – e bombou na internet!

O ponto alto de toda festa de aniversário é o bolo. Junto com o aniversariante, ele vira a atração na hora de cantar parabéns, e todos o desejam desde a hora em que chegam na festa. Só que essa mãe resolveu zuar a filha em sua festa de 18 anos, justamente com um bolo hilário!
Todos nós temos fotos de nós mesmos com 18 anos que queiremos esquecer tenho. 
A família de Coventry Abbi Preço decidiu replicar uma imagem hilaria da aniversariante vomitando depois de uma grande noite fora. 
Abbi Price uma jovem animada e festeira como qualquer outra, estava completando seus 18 anos, e foi surpreendida com um bolo em sua homenagem.

Na imagem original, Abbi, esta com a cabeça sobre o vaso sanitário – mas com o assento pressionando para baixo em seu cabelo. 
Sua mãe utilizou um momento que foi registrado por ela mesma para se inspirar. Só que o momento reproduzido não era exatamente o que a gente esperava, era Abbi passando mal e vomitando na privada.

Mas parece que Abbi levou tudo na brincadeira, ao twittar “Ainda não superei meu bolo de aniversário”, seguido do emoji chorar rindo. 

O tweet teve mais de 17.000 retweets – muitos dos adolescentes, sem dúvida, se identificaram com o bolo. 

Abbi admitiu que o bolo foi ideia de sua mãe. 
“Eu amei o bolo e esperava que a foto estaria impressa no bolo, então quando eu vi que fizeram exatamente a cena toda, fiquei impressionada. Minha mãe achou que foi uma ótima ideia. Eu sou sensível à bebida, e minha mãe geralmente não reclama disso. Nessa vez, eu dei uma festa, ela saiu por 1 hora, e eu fiquei um pouco ‘alta’. Quando ela voltou, foi o que encontrou. Tirou a foto e sempre ameaçou usar no meu aniversário de 18 anos, mas foi além!”, contou Abbi

Confira o twitter de Abbi.

Via Tudo Interessante

domingo, 4 de dezembro de 2016

5 pessoas que ganharam superpoderes após um acidente

Olá a todos! Algumas pessoas, depois de baterem as cabeças ou terem um ataque cardíaco, infelizmente perderam em alguns casos até mesmo a capacidade de fazer as coisas mais simples na vida: caminhar, falar ou comer por conta própria. 

Mas em alguns casos, um acidente pode mudar o destino de uma pessoa, transformando a sua personalidade, tornando-a mais inteligente, esperta ou talentosa. Os neurologistas

sábado, 3 de dezembro de 2016

Seguidora chama Juju Salimeni de macho e ela responde à altura

Atualmente trabalhando na TV Record, a modelo e ex-panicat, Juju Salimeni, é conhecida nas redes sociais por ser atenciosa com seus fãs e seguidores das redes sociais. Dona de um corpo escultural, a musa sempre posta fotos de sua rotina na academia e em eventos dos quais participa.

Porém, nem todos os comentários são elogios à musa. Recentemente, a modelo publicou foto no #Instagram exibindo sua forma física e recebeu uma crítica pesada de uma seguidora.

“Está parecendo um macho”, comentou uma seguidora.

Rapidamente a modelo rebateu ao comentário maldoso.

“Isso é inveja do meu corpo e da mulher que eu sou, né? Prefiro ser considerada “macho” do que ser mal amada para vir destilar veneno no Instagram dos outros. Então, amiga, chora que hidrata.”
Essa não é a primeira vez que a loira ganhou destaque por falar o que pensa. Em agosto desse ano, ela também foi destaque por responder a outra seguidora que criticou sua roupa. “Ridículo! Se gosta tanto de aparecer é melhor andar pelada”, comentou a seguidora.
Juju não deixou barato: “Desfilo seminua todo ano no sambódromo, de salto alto, sambando na cara de pessoas como você. Porque eu posso!”, respondeu a repórter.
Além de ter ganhado fama no programa Pânico, Juju Salimeni ficou conhecida também por fazer críticas ao programa. Recentemente, dia 29 de novembro, em entrevista ao apresentador Fábio Porchat, ao ser perguntada sobre sua passagem no programa ela respondeu fazendo algumas críticas ao programa e também comentou sobre a rivalidade entre as panicats. “Quem trabalha no Pânico tem que estar pronto para qualquer coisa depois de lá. O programa e as pessoas de lá são legais, mas você tem que fazer as coisas. Existe uma pressão sobre elas. Se você não queria fazer o desafio, outra fazia.”
Mesmo diante das dificuldades que ela diz ter passado no programa, a repórter diz que não se arrepende de sua passagem pelo programa e que seu aprendizado foi positivo. Ainda, segundo ela, foi uma época maravilhosa, a porta de entrada para a fama. “O Pânico me abriu portas para que eu esteja aqui hoje”, finalizou.

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Você sabe o que é a Síndrome da Pica? Muitas pessoas têm e não sabem

Síndrome de Pica
O nome da síndrome é uma alusão ao pássaro Pica Pica, conhecido por sua alimentação que vai desde insetos a pedaços de pedras e galhos secos, podendo comer tudo quanto passar pela goela a baixo.

O nome científico da Síndrome é Alotriofagia, causando nos portadores um desejo de alimentar-se de material não comestível como o carvão, pedaços de tijolo ou telha, terra, papel, até excrementos. Comumente detectada em crianças e grávidas, em especial as que possuem necessidades de nutrição, porém pode atingir qualquer pessoa sem discriminação de idade ou gênero. Alguns casos o material ingerido ou desejado contém nutrientes que estão em baixa no seu organismo, embora nada comprove, pelo menos ainda, que esta seja a razão de seu surgimento.
Também não foi descoberto até o momento nenhuma ligação da síndrome com algum dano no cérebro, como ocorre com diversas síndromes atualmente conhecidas. O material desejado pode ser ainda algo que ofereça perigo ao portador, por exemplo, desejo de ingerir veneno, comer cacos de vidros, pregos, etc.
Existem diversas subdivisões da síndrome da pica, sendo as mais conhecidas:


1 – Geofagia – Desejo de comer terra.

2 – Coprofagia – Desejo de se alimentar com excrementos, fezes.

3 – Hialofagia – Desperta interesse em comer vidros.

4 – Hematofagia – Causa na portador a vontade de beber sangue,

5 – Xilofagia – Faz com que o portador queira comer madeira.

Via Portal Interessante

Você é a moça da padaria, né?

Adoro quando essas pessoas que se acham a última bolacha do pacote se lascam.